As Mentiras da Disney


Durante toda a nossa infância, os contos de fadas e os filmes da Disney tentaram incutir-nos a ideia de felizes para sempre e de que o amor perfeito existe. Mas a verdade é que quando crescemos e chegamos à adolescência – que é a fase onde tudo começa a tornar-se mais claro – nós começamos a perceber que as coisas não são como pensávamos e como nos faziam querer que eram.

Não há amores perfeitos. As pessoas aproveitam-se umas das outras e quando estão fartas… Simplesmente, deitam fora. Por mais triste que isto seja, é a dura realidade em que vivemos. E nós, que continuamos a ser miúdas moldadas pelas mentiras da Disney, queremos acreditar que o amor existe e queremos ser felizes mas só acabamos por nos magoar.

E quanto ao felizes para sempre está mais que visto que é uma fachada. Quantos são os casais que estão casados à 20 anos e que depois acabam por se divorciar? Quantos são aqueles casais de pessoas mais idosas, muitos casados à mais de 50 anos, que nós achamos que se hão de amar eternamente e depois... Divorciam-se. E depois há aqueles casos que se vão tornando mais e mais vulgares. Aquelas pessoas que se casam e um ano depois, se não for menos, estão divorciadas.


Não consigo acreditar mais, não me peçam para o fazer. Agora deixo as coisas acontecerem e durarem o tempo que tiverem de durar. Se tiver de acabar amanhã, acaba… Foi bom enquanto durou – é este o pensamento. Temos de viver a vida ao minuto e deixar de acreditar em coisas que já não fazem sentido. Infelizmente, a Disney mente e estas foram as duas maiores mentiras que elas nos contaram… Oxalá, toda a gente consiga apurar a verdade dos para sempre’s e dos amores perfeitos.  

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Love Yourself

Feliz Natal! | 2016

10 Factos Curiosos sobre Harry Potter