Momentos de Revolta #6: A dança em Portugal


Já refleti sobre este assunto inúmeras vezes e nunca chego a qualquer conclusão. Ontem, derivado de um acontecimento que me entristeceu (e que já passo a explicar), voltei a refletir sobre o tema e voltei a continuar sem perceber o porquê de tudo isto.

Agora trocando isto por miúdos… Ontem, conheci uns senhores em Leiria que andavam a vender bolos para ajudar os miúdos de um grupo de ballet a irem a Espanha a um campeonato, porque nem todos tinham posses. E a senhora, visivelmente indignada, partilhou uma opinião com a qual concordo. Portugal dá apoios até mais não ao futebol, mesmo às escolinhas, mas quando se trata de cultura, sobretudo de dança… ‘Tá quieto ó mau! É ridículo!

Já pensaram em como a dança é menosprezada em Portugal? E começa-se justamente por aí, pela falta de apoios que se tem. E eu sei do que falo! As pessoas não vêem a dança nem como um desporto, nem como arte. Acham que é, simplesmente, um passatempo. Não levam a dança a sério, descredibilizam-na. E isso é triste. Olhem, por exemplo, comparando com os Estados Unidos da América, a quantidade de talento shows só direcionados para a dança que existem em Portugal. Até à data, existiram duas temporadas de um programa desse género, separadas por cerca de seis anos de diferença. Sabem quantas temporadas seguidas é que existiram nos Estados Unidos, desse mesmo programa? Doze, sem contar com a que está a decorrer! Isto não é vergonhoso, sabendo que há tanto talento na dança em Portugal? Basta vermos o Got Talent Portugal uma vez. Não é um programa direcionado unicamente para bailarinos mas, por alto, mais de trinta por cento das pessoas que lá passaram eram bailarinas ou tinham essa intenção. Percebem onde quero chegar? E há mais! Nos programas de música, o vencedor é quase de imediato proposto para a gravação de um CD e, se apanhar as pessoas certas, um tempinho depois consegue vingar. Os vencedores dos programas de dança, em Portugal, os nossos grandes bailarinos, sabem onde estão? A trabalhar no estrangeiro e nós nem nunca ouvimos falar deles. E porquê? Porque lá eles são valorizados, enquanto cá ninguém lhes presta atenção.

Isto revolta-me. Revolta-me que Portugal ainda permaneça tão desligado da cultura, daquilo que nos preenche a alma. Revolta-me que ainda não se tenha aprendido a dar valor à dança, sobretudo aos estilos que não sejam ballet – e até esse é desvalorizado. Acho que está na altura de Portugal dar mais um passo na sua história e começar a valorizar aquilo que realmente importa, em vez de financiar carros de luxo a todos os membros do Governo.


Tenho dito!


Comentários

  1. Concordo a 100% com a tua opinião!!

    Visita o meu blog e faz as tuas perguntas: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2016/03/q-2-facam-as-vossas-perguntas.html

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Eu adoro dançar mas infelizmente não tenho formação em nada mas danço tudo o que me ensinarem. Quero entrar para o contemporâneo apesar de estar um bocadinho velha para começar mas é uma coisa que adoro e seria mais por realização pessoal do que outra coisa qualquer mas tenho noção que se quisesse seguir carreira de bailarina tinha que ser no estrangeiro pq aqui, tá quieto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal como tu, não tenho qualquer formação. Danço com um grupo de amigas e temos uma professora que também não tem tanta formação como gostaria mas que nos ajuda em tudo o que pode, embora sejamos bastante autodidatas. E até aí percebemos como a falta de apoio é grande, porque a formação não é acessivel a qualquer um. Além de que uma carreira de bailarina aqui... É dificil.

      Muito obrigada pelo teu comentário! Boa sorte para ti!
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Eu adoro dançar mas infelizmente não tenho formação em nada mas danço tudo o que me ensinarem. Quero entrar para o contemporâneo apesar de estar um bocadinho velha para começar mas é uma coisa que adoro e seria mais por realização pessoal do que outra coisa qualquer mas tenho noção que se quisesse seguir carreira de bailarina tinha que ser no estrangeiro pq aqui, tá quieto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Love Yourself

Feliz Natal! | 2016

10 Factos Curiosos sobre Harry Potter