Algumas dicas... sobre formas de estimular a criatividade

Olá, dreamers! Como está tudo desse lado do ecrã?

Hoje venho falar-vos sobre criatividade e algumas formas de estimulá-la. Quem está habituado a escrever, seja para um blogue ou para qualquer outra coisa, com certeza já sofreu de uma coisa terrível chamada bloqueios criativos – são aqueles momentos frustrantes e quase angustiantes em que queremos escrever e ser criativos e não nos sai absolutamente nada, nem uma única palavra. Todos nós já passámos por isso e sabemos o quão mau é. Por isso, eu decidi pesquisar por algumas formas de estimularmos a nossa criatividade para evitar situações como esta ou para as contornar e decidi vir aqui partilhá-las convosco.


1.       Pesquisem sobre novos temas e adquiram conhecimento. A cultura é uma importante fonte de criatividade e todos sabemos bem disso. Quanto mais sabemos de mais assuntos diversos, mais facilidade temos em transformá-los em conteúdo para o nosso blogue ou para o que quer que seja que desejamos escrever/criar. Além disso, pesquisar sobre temas novos ou que já conhecemos, dá-nos novos argumentos e novas formas de estruturar as nossas opiniões relativamente a esses mesmos temas.

2.       Anotem todas as ideias que tiverem, mesmo que não tenham tempo para as desenvolver. Por vezes, nos momentos mais estranhos e menos convenientes surgem-nos ideias que temos tendência a adiar e que acabamos por nos esquecer. Nesses momentos de inspiração, devemos apontar as ideias que surgirem, mesmo que não as usemos no momento. Assim teremos sempre material de backup para aqueles momentos em que a inspiração foge.

3.       Concentrem-se quando estão no vosso momento criativo. Por vezes, estamos a ser produtivos e a criar coisas e acabamos por nos distrair, o que acaba com toda a nossa veia inspirada. Quando estão a por as vossas ideias em prática, foquem-se a cem por cento no que estiverem a fazer – assim será muito mais fácil e tomar-vos-á muito menos tempo.

4.       Não se pressionem demasiado. Por vezes, nós temos tendência a ser demasiado críticos e duros connosco mesmos e quando as coisas não correm bem autopressionamo-nos em demasia. Se as ideias não estão a fluir no momento, parem por um pouco e vão fazer outra coisa que vos relaxe ao invés de vos stressar. Mais tarde, quando estiverem mais relaxados e já se tiverem distraído um pouco, voltem ao que estavam a fazer, mas não sejam demasiado críticos e perfecionistas convosco próprios – aceitem o erro como algo que é caraterístico da espécie humana.

5.       Peçam ajuda. Se estão bloqueados numa determinada coisas ou se precisam de ideias, não tenham medo ou vergonha de pedir ajuda a outras pessoas. Por vezes, os nossos amigos, familiares ou leitores podem ter coisas úteis para nos dizer e que nos podem ajudam bastante.

6.       Estejam atentos a todos os pequenos pormenores do mundo que vos rodeia. Por vezes, são as coisas mais simples do nosso dia-a-dia que nos inspiram e que nos dão ideias. É claro que ler livros, ver filmes/séries e ouvir música é sempre uma ótima fonte de inspiração, mas observarmos as pessoas e as coisas que nos rodeiam também pode ser uma boa forma de conseguirmos ter ideias para por em prática.


Pronto, estas são algumas dicas bastante simples mas que podem ajudar no processo criativo. Espero que este post vos tenha sido útil! Se tiverem alguma dica que queiram partilhar, estejam à vontade porque a caixa de comentários está sempre disponível para vocês.

Beijinhos 

Comentários

  1. Amei as dicas.
    A criatividade se for estimulada evoluí muito.
    Muitos beijinhos
    MUAH*
    Blog | Youtube | Facebook

    ResponderEliminar
  2. são boas ideias, e preciso mesmo disto, às vezes falta-me imenso a criatividade... beijinhos :) https://ratsonthemoon.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sofro do mesmo mal, daí me ter lembrado de escrever este post! Beijinhos

      Eliminar

Enviar um comentário